sexta-feira, 13 de abril de 2012

2 meses de ausência, saudades e lembranças de Eliel Amoras Rabelo


Confraternizacao no natal de 2010, ele foi o meu amigo invisivel
Hoje se completam 2 meses da partida do meu cunhado e amigo, pessoa de inigualável valor, advogado bem sucedido, jovem cheio de vida e sonhos, que tive o prazer de conviver por inesquecíveis 17 anos de amizade, respeito e consideração mutua. A dor da ausência só e amenizada pela boas memorias que permanecerão para sempre conosco. Ele se foi mas deixou em cada um nos um pouquinho dele, deixou um pouco de sua alegria, de sua disposição para ajudar o próximo, de sua determinação, do grande exemplo de conquista que representou para todos nos. Você vivera para sempre em nossos corações. Eliel Amoras Rabelo (*15.12.1977     + 13.02.2012)

Um comentário :

  1. Sentir a ausência de nosso querido Eliel é inevitável, porém realmente somente a lembrança daquele lindo sorriso preenche o grande vazio que ficou. Sinto muito a falta dele.

    ResponderExcluir