domingo, 30 de agosto de 2015

Deságue no oceano (Por Pr Gesiel de Souza Oliveira)

"Nossas aflições são escolas que edificam lições perenes. Aprendemos e crescemos muito mais no deserto que no vale da benção. Alimentamos e edificamos muito mais nossas vidas nas agruras, porque a fartura atrai amizades esvaziadas de sinceridade e ilusões de um mundo de papel que os ventos das aflições rapidamente podem destruir. As lágrimas regam a semente dos seus sonhos, e muitas vezes temos a impressão que essa semente caiu em solo infértil. A grande verdade é que queremos sempre acreditar que tudo na vida tem de dar certo, que sempre devemos ser felizes e que um sinal de felicidade é o sucesso. Isso não é verdade! Nossa vida é um misto de altos e baixos, em muitos casos mais baixos, que altos. Um contrabalanceamento de alegrias e tristezas constantes e ininterruptas. E a visão distorcida a respeito disso empobrece e frustra muitas pessoas. Atenda ao que te faz seguir adiante, ao te emociona, e faz acender uma luz no fim deste túnel sombrio. Há momentos que é melhor ouvir com o coração e agir com a razão, e não o contrário. Haverão momentos da vida em que as flores deixarão de exalar seu perfume, que o azul do céu dará lugar a um acinzentado melancólico e os pássaros deixarão de cantar na trilha da sua jornada. Mas é nesses momentos, em que a dor da solidão aperta a sua alma, é que devemos lembrar que você é como um pequeno rio, que passa e corta muitas regiões diferentes, algumas férteis outras áridas, mas que não pode retroagir, e que em certo momento, vai ser transformar em um grande oceano. Prossiga, deságue, transforme-se e descubra a dimensão do que te aguarda adiante nesse oceano da vida".

Nenhum comentário :

Postar um comentário